Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

think of things

think of things

Importunidades para uma saude melhor

O estado de saúde no mundo inteiro está a deteriorar-se gradualmente. E isto deve-se à poluição atmosférica, hábitos alimentares, produtos alimentares que contém aditivos e pesticidas que prejudicam a nossa saúde, hábitos de consumo aditivo e o nosso estilo de vida, o famoso Stress.

Na maioria das vezes não temos tempo para cuidar da nossa saúde e nem temos tempo para prestar atenção a determinados sinais que advém do nosso corpo e quando damos atenção a eles, muitas vezes já é tarde e sofremos as consequências da nossa distração diária. Eu estou a dizer isso porque também pertenço a esse grupo de pessoas com tem péssimos hábitos alimentares, consumos aditivos (tabaco), uma vida stressante como manda a minha profissão ( sou enfermeira) e os sinais que eu sinto no meu corpo são muitas vezes ignorados. Ou porque não tenho tempo de ir ao médico porque aquilo está cheio de gente e só saio de lá quando aquilo fecha ou porque sou profissional de saúde e sem muito bem tratar de mim e tomo qualquer coisa quando chegar a casa. E isto aconteceu diversas vezes, até que houve um dia, em Março de 2014, que senti dores muito fortes na região abdominal acompanhado por náuseas, vómitos, diarreia e febre. Podem não acreditar mas andei assim 5 dias, a tomar toda a medicação que tinha em casa, até que me rendi à evidência e tive a noção que isto só passava com antibiótico, visto que não tinha melhorias nenhumas. O meu estado era tão "Bom" que fui de urgência para o Hospital, Só esperei 2h com a pulseira amarela ( o que não é muito tempo, relativamente a outros doentes de lá). Deram-me antibiótico, soro, Nolotil Endovenoso e depois fui para casa com um outro antibiótico. Se melhorei? Não. Piorei e comecei a ter dejecções com vestígios hemáticos, ou seja, fezes com sangue. O que me assustou imenso e deixei de tomar a medicação, visto ser um efeito secundário que se encontrava escrito na bula. Resumindo e concluindo, não tomei a medicação mas continuo com fezes, por vezes, com presença de sangue e esteatorreia (presença de gordura nas fezes). No entanto, devido ao meu sistema nervoso e tudo o resto, tenho mensalmente a visita do Herpes Labial, que me provoca dores e desconforto, nos dias "bons" aparece-me dois no mesmo lábio, no mesmo mês. Era um sofrimento para mim!

Sendo uma profissional de saúde e uma curiosa, decidi experimentar um suplemento natural que me apresentaram e aconselharam-me a toma-lo durante 3 meses. e porquê três meses? Porque é o tempo que as células do nosso corpo demoram a renovar e habituar-se ao suplemento.  Tive que tomar na primeira semana 9 comprimidos durante depois passei a 3 comprimidos. Os 9 comprimidos iniciais e basta a primeira semana do primeiro mês que inicio o suplemento, tem como objetivo criar um "Shock" inofensivo ao nosso corpo. Depois os 3 comprimidos são chamados "dose de manutenção".  Conhecia muita gente que falava bem dos suplementos naturais mas era um pouco céptica em relação a esse assunto. Eu sou daquele género: Ver para Crer e já que tinha problemas, porque não experimentar.

Resumindo: Tomei os comprimidos durante 2 meses e durante 2 meses não tive nem sangue nas fezes nem herpes labial. Deixei de tomar os suplementos devido à falta dinheiro para os comprar porque nessa altura estava acabar o curso e o dinheiro foi primeiro para os estudos e não para a saúde, que, como devem de calcular, o herpes e o resto voltou atingir o meu organismo, associado à ansiedade presente, veio outras patologias, inofensivas, mas que aborrecem qualquer pessoa.

No dia em que comecei a trabalhar, decidi comprar o suplemento e os resultados são positivos. No meu primeiro Post, falo sobre os fatores de transferência, que são esses fatores que consistem estes suplementos naturais. Mas o meu próximo post, irei falar mais aprofundado sobre os mesmos.

 

Ate lá,

 

Cuidam da vossa saúde!

Mais sobre mim

foto do autor

Favoritos

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D